A prefeitura de Campinas, no interior de São Paulo, divulgou na quinta-feira, 29 de agosto, um documento que aponta as diretrizes da concessão do transporte sobre ônibus na cidade.

A concorrência vai permitir a participação de empresas nacionais e estrangeiras, e será realizada no dia 16 de outubro.

Segundo o documento, Campinas deve ter na operação dos ônibus, veículos elétricos, incluindo unidade articuladas.

O poder público informou que o contrato de concessão terá prazo de vigência de 15 anos, podendo ser prorrogado por mais 5 anos.

O novo sistema deverá ser divido em 7 áreas, sendo que todas as regiões que interseccionam com a Área Central (área branca), deverão ser utilizados apenas veículos com tecnologia limpa, ou seja, que não poluam.

A concorrência envolve uma frota de 800 ônibus, que será totalmente renovada após um prazo de transição de dois anos, dos quais a metade será composta por veículos elétricos, dos quais muitos articulados que irão operar nos futuros corredores BRT da cidade.

Outros percorrerão as ruas da região central do município, num perímetro chamado de Área Branca, que permitirá apenas a circulação de coletivos que ostentem tecnologia limpa, não poluente.

O secretário dos Transportes de Campinas, Carlos José Barreiro, informou durante uma entrevista para o jornalista Alexandre Pelegi do Diário do Transporte que os 400 ônibus elétricos responderão por 60% da capacidade dos passageiros transportados de todo o sistema, isso porque boa parte desses veículos estará operando nos corredores estruturantes, portanto serão veículos maiores, do tipo articulados.

“Nós estamos criando um modelo que terá uma tecnologia de ônibus não poluentes que será a maior da América, se não for do mundo, excluindo a China”, projeta Barreiro.

Leia também:

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Igor Roberto

Sou profissional e estudante de enfermagem, analista financeiro e de mídias sociais. Sou o criador do Rede Noticiando e co-fundador do Mobilidade Porto Alegre. Mobilidade Urbana e transporte público são os meus temas favoritos. A informação é o meu esporte.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.