O governador de São Paulo, João Doria, anunciou nesta quarta-feira, 3 de julho, que o modal escolhido para atender a Linha 18-Bronze é o corredor de ônibus do tipo Bus Rapid Transit (BRT).

O sistema de monotrilho que seria operado pelo consórcio Vem ABC será substituído por um corredor de ônibus por causa dos altos custos, principalmente em relação as desapropriações.

Segundo o Governo Estadual, os custos para as desapropriações seriam de R$ 600 milhões. A gestão levou em consideração a influência da falta de dominio do Brasil em relação a tecnologia do modal e da falência da empresa da Malásia Scomi, que era responsável pela fabricação dos trens.

O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, estima o preço de R$ 680 milhões para implantação do sistema BRT, enquanto o monotrilho seria de quase 6 bilhões. O prazo para a conclusão das obras do sistema de ônibus será de 18 meses.

A justificativa informada pelo secretário Baldy para a escolha do modal é que o monotrilho não é flexível para atender a demanda, que varia com o tempo. O projeto de BRT ligando o ABC à capital paulista prevê ônibus elétricos na operação.

Dúvidas sobre o modal

Nos últimos 3 meses várias informações desencontradas foram ditas. Comparações entre o monotrilho e o metrô convencional, e o sistema BRT com corredores de ônibus comuns.

Modais

Monotrilho é um sistema de média capacidade com trens leves que possuem pneus e circulam auxiliados por guias laterais em elevados de concreto com um trilho apenas, sustentados por pilastras. O monotrilho é elétrico.

BRT é um sistema de média capacidade com ônibus articulados e biarticulados que trafegam em corredores que têm elementos a mais que um corredor comum, como pontos de ultrapassagem entre os coletivos, estações no nível do assoalho do ônibus, pagamento de tarifa antecipado e, em vez de pontos, estações climatizadas. O BRT pode ter veículos a diesel, híbridos ou 100% elétricos.

Capacidade

Segundo o secretário Baldy, o sistema BRT pode transportar a mesma capacidade que o monotrilho carregaria no período. Segundo ele, a demanda estimada, baseada nos estudos atuais a frente de sua gestão é de 150 mil passageiros/dia.

Quem deve operar?

Segundo a gestão Doria, inicialmente a EMTU deve ficar responsável pela operação do Bus Rapid Transit (BRT) que irá ligar São Bernardo do Campo até a estação Tamanduateí.

Uma concessão pode ser realizada em breve.

Consórcio Vem ABC

O Consórcio Vem ABC disse em nota que não foi comunicado da rescisão de contrato pelo Governo do Estado e, assim que for, vai seguir todos os trâmites burocráticos neste caso.

“A Concessionária VEM ABC não foi comunicada sobre descontinuidade ou rescisão unilateral do Contrato de Concessão Patrocinada No 011/2014. Caso seja comunicada, a mesma seguirá o rito contratual no que diz respeito a tal rescisão”.

O presidente da Abifer disse em nota ao site Diário do Transporte, associação que reúne as empresas que fabricam trens e componentes ferroviários, Vicente Abate, diz lamentar a troca de modal de monotrilho para BRT.

Segundo Abate, “o custo informado do BRT (R$ 680 milhões) e o prazo de entrega do sistema (18 meses) carecem de melhor avaliação”. O representante das indústria ferroviária ainda diz que o monotrilho pode ter vida útil três vezes maior que um ônibus e contesta alegação de que a tecnologia do monotrilho não é dominada pelo Brasil.

Precisando fazer a recarga do seu Cartão de Transporte?

Você está precisando fazer a recarga do seu Cartão de Transporte? Baixe agora o aplicativo RecargaPay, disponível para os sistemas operacionais iOS e AndroidSem cobrança de taxas, simples e rápido!

Em poucos segundos, você faz a recarga:

  1. Insira os dados do seu cartão, escolha o tipo de recarga que deseja fazer e o valor.
  2. Selecione a melhor opção para pagar sua recarga.
  3. Pra finalizar basta aguardar a confirmação do pagamento.

Depois, você só precisa fazer a liberação dos créditos aproximando o seu cartão de um validador em qualquer máquina de recarga e consulta de saldo de Cartão de Transporte, que ficam nas estações do Metrô, da CPTM e nos terminais de ônibus.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.