Com a proximidade do Natal e o pagamento da primeira parcela do 13º, o volume de pessoas que se destinam às regiões de compras cresce gradativamente, especialmente na região do Brás, um dos principais polos comerciais de São Paulo. Para atender esse público, a partir do dia 30/11, a CPTM implantará a “Operação Natal” na Estação Brás, que chega registrar aos sábados a circulação de mais de um milhão de passageiros.

A operação funcionará nos finais de semana até o dia 24/12 e visa facilitar o deslocamento dos passageiros. Entre as principais ações estão a ampliação do horário de pico (menor intervalo entre os trens) e o aumento do número de empregados operacionais da estação e da segurança na Estação Brás para orientar as pessoas.

Neste mês, foram implantados mais três bloqueios (catracas) na Estação Brás, totalizando 24, para melhorar o embarque. Um deles é especial, tipo um “porta balcão”, com 90 cm de largura, que também aceita todos os tipos de bilhetes da CPTM e e permite o acesso de cadeirantes.

Também foi montado um novo esquema de direcionamento de fluxo para deixar a viagem mais confortável. Na entrada da estação, os empregados orientarão a passagem das pessoas de acordo com quem tem bilhete, cartão ou quem precisa comprar bilhete. A partir das 10h ou de acordo com o movimento de passageiros, a saída da estação será pelo corredor lateral, sem passar pelos bloqueios, para agilizar o embarque de quem estará voltando das compras.

Além do reforço das equipes, também será intensificada por meio da emissão dos APs (Avisos ao Público) e cartazes os avisos de segurança, como cuidados redobrados com pertences como bolsas, celulares e até as crianças, além da compra antecipada do bilhete para o retorno. A operação conta com o apoio da PM e da Guarda Civil Metropolitana que têm postos móveis na Praça Agente Cicero.

Embora a Estação Brás ofereça mais de um acesso, a venda de bilhetes estará concentrada nos sete guichês da bilheteria do saguão principal, dos quais um é exclusivo para receber pagamentos realizados em moedas no valor exato da tarifa e outro destinado ao atendimento preferencial (gestantes, pessoas com crianças de colo, idosos, entre outros).

Em caso de dúvida, o usuário pode entrar em contato com o SAU (Serviço de Atendimento ao Usuário) pelo telefone 0800 055 01 21 ou através do site www.cptm.sp.gov.br.

Leia também:

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Dayane Priscila

Estudante de Desenvolvimento de Sistemas. Mini bibliotecária (Tributo, Semi-deusa, selecionada). Fotógrafa aspirante e amante de astronomia.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.