A venda do bilhete QR-Code em algumas estações do Metrô, CPTM e da ViaMobilidade foi prorrogada por mais 45 dias em São Paulo.

O projeto-piloto com a venda de bilhetes do sistema QR Code como meio de pagamento da tarifa em algumas estações do Metrô de São Paulo e da CPTM foi prorrogado por mais 45 dias. Previsto para ser encerrado nesta sexta-feira, o prazo para utilizar os bilhetes vai até o dia 2 de dezembro.

O projeto ainda é limitado e apenas dez estações do Metrô, CPTM e ViaMobilidade aceitam a forma de pagamento. O projeto já acumula 281 mil bilhetes vendidos, segundo o governo. Desse total, 92,9% foram comprados em bilheterias, 1,6% no aplicativo de celular VouD. Entre as empresas, 50,3% dos bilhetes foram vendidos nas estações do Metrô, 47,7% em estações da CPTM e o restante no app VouD e loja da Autopass.

O horário de funcionamento será estendido a partir desta segunda-feira, 21 de outubro, para toda a operação, domingo a sexta-feira das 4h40 à meia-noite e sábado, das 4h40 à 1h, incluindo a Linha 5-Lilás que passou a integrar o projeto recentemente.

Os leitores de QR Code estão disponiveis nas seguintes estações:

CPTM– Estação Autódromo (Linha 9-Esmeralda), Tamanduateí (Linha 10-Turquesa), Dom Bosco (Linha 11-Coral) e Aeroporto-Guarulhos (Linha 13-Jade).

Metrô– Estação São Judas (Linha 1-Azul), Paraíso (Linha 1-Azul e 2-Verde) e Pedro II (Linha 3-Vermelha).

ViaMobilidade– Estação Capão Redondo, Giovanni Gronchi e Largo Treze, todas da Linha 5-Lilás.

Vale destacar que os bilhete servem apenas para serem utilizados nas estações do sistema metroferroviário citadas acima e não há integração com outros modais.

Leia também:

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.