agosto 5, 2020

Os canteiros de obras da Linha 6-Laranja de metrô foi transferido da empresa Move São Paulo para o grupo espanhol Acciona, que retomará, em até 90 dias, a obra.

Além de construir a linha, comprar todos os equipamentos e o material rodante, o grupo espanhol será responsável pela operação e futura administração da linha. Essa é a maior Parceria Público-Privada registrada no Brasil.

Nesta terça-feira, 7 de julho, o secretário dos Transportes Metropolitanos, Alenxadre Baldy, visitou o canteiro de obras VSE Tietê, onde estão estacionados os dois tatuzões que irão escavar os túneis da futura linha metroviária. O titular da pasta estava acompanhando de executivos da Acciona e do presidente do Metrô de São Paulo, Silvani Pereira.

Baldy informou que as obras serão retomadas até outubro deste ano e que elas se estenderão por até cinco anos, ou seja, até o final de 2025.

O secretário, no entanto, admitiu que a linha 6-Laranja deverá ser entregue por fases a partir de 2024. Vale destacar que no plano original, havia a possibilidade de começar a operação desde que o ramal estivesse conectado à malha metroferroviária, então, para que isso ocorra, será preciso concluir o trecho até a Estação Água Branca, onde haverá a ligação com a Linha 7-Rubi, e no futuro 8-Diamante, da CPTM.

Ao todo serão 15 estações, 15,3 km de extensão, 1 pátio e 22 trens em operação. Em relação aos trens, a Move São Paulo chegou chegou a fechar um acordo com a Alstom para fornecer os 22 trens que serão usados na operação, e também com o grupo Mitsubishi, que seria responsável pelos sistemas. Ainda não se sabe se a Acciona honrará esses compromissos ou se fará novas aquisições.

A “linha das universidades”, como já é chamada, vai ligar a Vila Brasilândia até a Estação São Joaquim (interligada a linha 1-Azul do Metrô). A expectativa é que a linha 6-Laranja transporte 633,000 passageiros por dia.

Transporte sobre trilhos

Confira a situação das linhas metro ferroviárias em São Paulo na aba “Metrô Agora” e “CPTM Agora” do Rede Noticiando e já saia de casa sabendo se tem alguma alteração ou falha.

Caso você seja usuário do Telegram e queira receber nosso conteúdo em primeira mão, se inscreva no nosso canal, o Rede Noticiando.

E se você for estudante da capital e utiliza o Bilhete Único Estudantil e ainda não renovou, tem dúvidas? Não perca tempo! Confira nossa matéria sobre como renovar seu benefício e tire todas as suas dúvidas.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram

Igor Roberto

Sou formado em Enfermagem, analista financeiro e de mídias sociais e aspirante em gestão pública. Sou o criador do Rede Noticiando e co-fundador do Mobilidade Porto Alegre. Mobilidade Urbana e transporte público são os meus temas favoritos. A informação é o meu esporte.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.