julho 1, 2022

O Deputado Estadual, Eduardo Bolsonaro, culpou as mulheres pelo desabamento que afetou as obras da Linha 6-Laranja de metrô, construída pela Acciona, e o trânsito na Marginal do Rio Tietê na semana passada.

Eduardo Bolsonaro publicou um vídeo em sua conta no Twitter, mostrando relatos de mulheres que davam depoimentos sobre como é trabalhar na maior obra de infraestrutura da América Latina no momento. Com uma música de fundo, semelhante aquelas que são colocadas em vídeos com pegadinhas, Eduardo ainda questionou “Procuro sempre contratar mulheres”, mas por qual motivo? Homem é pior engenheiro?”

O vídeo publicado pelo deputado bolsonarista é da Acciona, de cunho institucional, que mostra profissionais que atuam nas áreas de recursos humanos, segurança do trabalho, setor administrativo e engenharia de planejamento. Nenhuma dessas profissionais estavam ligadas as escavações em si.

A Acciona, grupo espanhol responsável pela construção da Linha 6-Laranja e posteriormente da sua operação, divulgou uma nota de repúdio sobre o vídeo publicado pelo deputado. Confira:

“A ACCIONA, como uma empresa que tem o respeito à diversidade como um dos pilares de sua política de ESG, lamenta profundamente o teor de uma videomensagem que circula em redes sociais. A companhia considera  o conteúdo  misógino e extremamente desrespeitoso com nossas colaboradoras.  A ACCIONA tem programas especiais de estímulo à contratação de mulheres, inclusive na área de construção, e se orgulha dos seus profissionais.  A empresa estuda as medidas judiciais cabíveis ao caso.”

A Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos – ANPTrilhos também divulgou uma nota:

“A ANPTrilhos vem a público expressar repúdio ao vídeo que circula nas redes sociais fazendo alusão à responsabilidade do acidente nas obras da Linha 6-Laranja de metrô de São Paulo às mulheres que atuam no projeto.

Conteúdo desrespeitoso e misógino, se aproveita de uma situação de crise para reforçar mensagem preconceituosa, discriminatória e absolutamente inaceitável.

A ANPTrilhos se solidariza com as mulheres pessoalmente citadas, ressaltando o respeito e o reconhecimento de todos os operadores ao profissionalismo das mulheres na área metroferroviária”.

Confira a publicação do deputado abaixo:

REDE NOTICIANDO

Siga nossas redes sociais e fique bem informado!

Receba em primeira mão nosso conteúdo através do nosso canal no Telegram.

Rede Noticiando – A serviço da informação!

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Follow Me:

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.