outubro 1, 2022

O tubo industrial é um dos produtos utilizados no meio industrial, como em processos que envolvem distribuir óleos, vapores, gases, dentre outros. É mais comum vermos tubos industriais que são feitos à base de ferro, principalmente entre os mais usados na indústria.

O tubo de aço de carbono, por exemplo, é um dos modelos que é feito tendo o ferro como sua principal composição.

Existem vários tipos de tubos industriais disponíveis no mercado atualmente, sendo que na maioria das vezes são separados pelo seu diâmetro, espessura da parede em que será aplicado e também pelo comprimento. 

O material base, como é o caso do ferro, também pode ser uma forma de distribuir os tipos de tubos industriais que são fabricados hoje.

Quer entender melhor o que são os tubos industriais, onde podem ser aplicados e quais os tipos disponíveis? Então, continue lendo este conteúdo até o final para não perder nenhuma informação importante.

O que são tubos industriais?

No geral, os tubos são utilizados para transportar algo que seja líquido, vapor, gasoso, dentre outros. Seguindo essa base, já sabemos que os tubos industriais são utilizados para a condução, de forma segura, desses elementos.

Eles compõem a tubulação industrial e garantem que o transporte seja feito sem oferecer riscos aos funcionários responsáveis pelo controle.

Existem tubos de vários formatos, apesar de sempre associarmos ao formato redondo. Você consegue encontrar opções quadradas, redondas e até mesmo retangulares no mercado de tubos industriais.

Eles são fabricados para diversos setores da indústria, sendo igualmente importante para ambos. Exemplos: indústria alimentícia, química, farmacêutica, processamento e demais.

Onde são aplicados os tubos industriais?

Os tubos industriais são encontrados em qualquer tipo de indústria, afinal, todas elas irão precisar de controlar o transporte de água, gases, vapores, etc.

Mas, sendo mais exato, todos eles estarão presentes na tubulação – que se trata do conjunto de todos os tubos, registros, dutos, etc, que compõem essa distribuição de forma segura e controlada.

As tubulações industriais são variadas, envolvendo muito mais tubos e processos do que em uma residência, por exemplo. Afinal, em muitos casos, essas indústrias lidam com gases e outros elementos nocivos para a saúde e o meio ambiente. Ou seja, é preciso muito mais cuidado e uma boa distribuição.

Elas podem ser divididas entre tubulações internas e externas. As internas, como o nome já sugere, são aquelas que ocorrem dentro das áreas de operação da indústria. Já as externas, são aquelas que estão presentes fora das áreas de atuação da indústria.

As tubulações externas também são conhecidas como interligações, afinal, são as que irão ligar uma área de operação à outra ou a demais setores.

Tipos de tubo industrial

Existem diversas maneiras de identificar os tipos de tubos industriais, são eles: pelo formato, tubos com costura e tubos sem costura. Vamos entender melhor cada um deles.

Formatos de tubos

Como citamos brevemente acima, os tubos possuem diversos formatos e não precisam ser obrigatoriamente redondos, pelo contrário. Em alguns casos, o formato do tubo irá contribuir para um melhor resultado.

Os tubos industriais possuem diversos formatos, cada um deles sendo destinado a um tipo específico de aplicação. Dentre as opções mais utilizadas temos o de formato redondo, quadrado, retangular e aqueles destinados para a condução.

Tubos com costura

Você já deve ter visto tubos em que era perceptível a soldagem entre duas ou mais partes. Essa junção é justamente o que faz com que eles sejam conhecidos como tubos com costura.

Por possibilitar que seja feita a soldagem, os tubos com costura podem ter diversos tipos de espessura, comprimento, diâmetro, dentre outros detalhes.

Costumam ter um ótimo custo/benefícios, o que faz com que sejam muito procurados e sejam bastante populares no mercado de tubos industriais.

Dentre as indústrias que mais utilizam os tubos com costura, temos: a indústria agrícola, de automóveis, as que fabricam móveis e as voltadas para produtos de manutenção.

Tubos sem costura

Diferente dos tubos com costura, os sem costura não recebem nenhum tipo de soldagem em chapas de metal. Por não possuírem nenhum tipo de perfuração ou ligação feita à base de soldagem, conduzem muito melhor gases e vapores que estão em alta pressão.

E, quanto menor o diâmetro do tubo, mais resistência ele precisará ser para que não ocorra nenhum problema com a pressão que passará por ele.

Quando o tubo faz parte de uma caldeira ou até mesmo de pistões hidráulicos, é importante que seja um tubo sem costura. Ele passará mais confiança e segurança para o processo do que um tubo com costura.

Ambos são tubos de aço, tendo apenas essas alterações em relação a ligações como diferenças. 

É importante conhecer bem a melhor opção de tubo para cada área industrial e conforme o objetivo que esse tubo terá. Como citamos, é preciso levar em consideração a questão da pressão e demais detalhes importantes para um processo seguro.

REDE NOTICIANDO

Siga nossas redes sociais e fique bem informado!

Receba em primeira mão nosso conteúdo através do nosso canal no Telegram.

Rede Noticiando — A serviço da informação!

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Follow Me:

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.