dezembro 2, 2022

Existem equipamentos específicos para cada situação e local de trabalho para preservar os funcionário e manter a produtividde

O ramo da engenharia civil possui diversos riscos para os trabalhadores que atuam em obras, e nesse caso, utilizar equipamentos que garantam a proteção é imprescindível. Com o crescimento imobiliário aumentando a cada dia, houve uma expansão também no número de empregados em obras, e diante desse cenário, diversas empresas precisam estar atentas a todas as normas de regulamentação impostas.

Empresas que trabalham nessa área são obrigadas a oferecer a segurança dos funcionários, oferecendo equipamentos de proteção gratuitos e com qualidade considerável. Nos últimos anos no Brasil, houve um crescimento no número de acidentes fatais no trabalho, sendo a área da construção civil líder nas estatísticas; portanto, as empresas necessitam se preocupar em dar os melhores equipamentos aos seus funcionários.

O trabalho de fiscalizar todas as normas regulamentadoras das empresas é realizado pela equipe de segurança do trabalho, que é extremamente importante para uma obra. Ela simplesmente trabalha para evitar acidentes fatais, então são analisadas as condições dos Equipamentos de Proteção Individual, os EPI’s, das máquinas, e se o local possui suporte para evitar qualquer tipo de acidente.

A obrigatoriedade do uso dos EPI’s está descrita em uma das famosas NR’s (Normas Regulamentadoras. A NRI-6 EPI, publicada no dia 8 de junho de 1978, e com atualizações em maio de 1982, prevê o uso de capacetes, cintos, protetores auditivos, entre outros objetos, que geralmente são utilizados em obras e até mesmo em fábricas de diversos tipos.

Existem equipamentos específicos para cada tipo de situação. Caso queira entrar em uma fábrica de usina, onde há máquinas extremamente barulhentas, é necessário utilizar o protetor auricular, para diminuir a intensidade dos ruídos provocados. Em uma obra, o capacete de segurança serve para evitar que haja lesões na cabeça em uma possível queda, ou amortecer possíveis dejetos que caiam de cima.

Outros equipamentos são de extrema importância para a saúde e integridade dos funcionários. Uso de máscaras, para evitar inalação de poeiras, e agora para proteção contra a Covid-19, luvas, para evitar contaminação e alergia nas mãos, ou lesões, ao utilizar equipamentos, além dos cintos de segurança, para pedreiros que utilizam andaimes em alturas superiores a dois metros.

Outros demais objetos não citados também fazem parte da segurança em obras e demais empresas. De acordo com o Ministério do Trabalho, há também os equipamentos de proteção coletiva, que nem sempre são viáveis em obras, por conta de funcionalidades, mas alguns EPC’s (Equipamento de Proteção Coletiva), como extintores de incêndio, entre outros, são imprescindíveis.

REDE NOTICIANDO

Siga nossas redes sociais e fique bem informado!

Receba em primeira mão nosso conteúdo através do nosso canal no Telegram.

Rede Noticiando — A serviço da informação!

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Follow Me:

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *