O vice-governador e secretário de governo, Rodrigo Garcia, voltou a afirmar que o Estado de São Paulo voltará a utilizar a malha ferroviária para o transporte de passageiros em breve.

A fala do vice-governador é em relação ao projeto do Trem Intercidades (TIC), onde num primeiro momento, pretende ligas as cidades de São Paulo, Campinas e Americana.

Garcia explicou que “o governo federal [que detém o controle de toda a malha ferroviária do país] assumiu o compromisso, com o governador João Doria, de que a MRS e a Rumo, companhias que atualmente utilizam esse transporte para carga no Estado, cedam espaço para trem de passageiros. Com isso acontecendo, o governo de São Paulo vai poder usar a malha ferroviária federal, fazendo o trem de passageiros virar uma realidade. A primeira ligação será Campinas a São Paulo”.

A fala do vice-governador foi dita durante uma entrevista ao Jornal da Manhã da rádio Jovem Pan.

Trem movido a biodiesel

O vice-governador disse que o trem será construído com tecnologia biodisel, como acontece atualmente nos Estados Unidos, e não com eletricidade.

“O custo é muito mais barato. Eletrificar uma via de São Paulo a Campinas tem custo de praticamente o dobro do biodiesel. Não podemos nos dar ao luxo da melhor tecnologia do mundo e, por isso, fizemos a opção por um trem moderno, que anda a 240km/h, mas sem eletrificação na via. É uma opção mais barata, segura e que é vai ser realidade o mais breve possível”, afirmou.

Companhia Brightline
Trem movido a biodiesel utilizado nos Estados Unidos

Baldy e Pedro Moro testaram o serviço

Conforme mostrou o Rede Noticiando, o secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, e o presidente da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), Pedro Moro, estiveram nos Estados Unidos e realizaram uma viagem a bordo de um trem intercidades da operado pela Companhia Brightline entre Miami e Fort Lauderdale, no estado da Flórida.

Baldy e Moro
Alexandre Baldy e Pedro Moro (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Segundo o secretário, a adoção deste tipo de tecnologia poderia reduzir o custo do projeto em mais de R$ 1 bilhão. Caso a tecnologia seja adotada, não será necessário eletrificar o traçado entre Jundiaí e Campinas, diminuindo não só os custos, mas também o tempo de implantação do TIC.

Precisando fazer a recarga do seu Cartão de Transporte?

Você está precisando fazer a recarga do seu Cartão de Transporte? Baixe agora o aplicativo RecargaPay, disponível para os sistemas operacionais iOS e AndroidSem cobrança de taxas, simples e rápido!

Em poucos segundos, você faz a recarga:

  1. Insira os dados do seu cartão, escolha o tipo de recarga que deseja fazer e o valor.
  2. Selecione a melhor opção para pagar sua recarga.
  3. Pra finalizar basta aguardar a confirmação do pagamento.

Depois, você só precisa fazer a liberação dos créditos aproximando o seu cartão de um validador em qualquer máquina de recarga e consulta de saldo de Cartão de Transporte, que ficam nas estações do Metrô, da CPTM e nos terminais de ônibus.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.