fevereiro 4, 2023

Benfeitoria é uma maneira eficiente e econômica de causar boa impressão

A valorização de um imóvel vai além do tamanho e localização. Uma boa pintura renova o visual e agrega valor. É uma benfeitoria econômica, um diferencial que traz a sensação de bem-estar e limpeza. Sem fazer grandes obras ou gastar muito, é uma maneira inteligente de causar boa impressão na hora de alugar ou vender.

A estética do imóvel é um fator importante para encantar à primeira vista. A compra ou aluguel não deve ser feita por impulso, a pessoa deve analisar os pontos positivos, comparar com a concorrência. Paredes descascando, esburacadas, transmitem a ideia de problemas estruturais, que podem trazer dor de cabeça no futuro.

Um imóvel pintado seduz o olhar e facilita a conclusão do negócio em 50%, avalia Robeson José Tassinari, corretor da Adimóvel. É um recurso democrático que transforma o ambiente rapidamente e deve ser enxergado como investimento. Deseja alugar ou vender? Antes de colocar a mão na massa e escolher a tinta, confira dicas de como repaginar de forma mais eficiente.

Valorizar é diferente de mascarar

O objetivo da pintura é valorizar o espaço, não é  mascarar problemas, como, por exemplo, infiltrações. Se o cômodo tiver rachaduras ou mofo, a causa deve ser identificada e resolvida. O mofo, inclusive, é prejudicial à saúde. A preparação da parede faz diferença no resultado e durabilidade, ela precisa estar firme, seca, sem gordura, antes de receber a pintura. 

Uma parede em boas condições facilita o trabalho, pois a mudança é estética. Nesse caso, o processo é simples, basta lixar, emassar — se tiver alguns buracos, como marcas de parafusos — e pintar. Antes da tinta, é recomendado utilizar o fundo preparador, que uniformiza a absorção e dá um acabamento de melhor qualidade, principalmente em construções mais antigas que têm o reboco mais desgastado. Antes de aplicar o fundo reparador, é importante limpar a parede com pano umedecido.

Comece pelo planejamento

O planejamento é etapa fundamental na renovação. A escolha do tipo e da cor da tinta interfere no resultado. Na dúvida, teste as amostras antes. É importante comparar preços e considerar o rendimento da lata, prefira também tintas laváveis, que facilitam a manutenção da tonalidade por mais tempo. No cálculo do valor, leve em consideração a superfície que será pintada, quantidade de demãos, metragem da área e o rendimento especificado na embalagem. 

Uma boa dica é investir em um compressor de ar pequeno, um equipamento versátil e uma alternativa mais eficaz que pincéis e rolos. Tem um ótimo custo-benefício, possibilita otimizar o tempo de pintura e aumentar a rentabilidade da tinta, com acabamento uniforme e bonito.  

Detalhes que atraem 

Detalhes fazem toda diferença, janelas, portas e rodapés também precisam fazer parte da pintura e ganhar novos ares. Pensar nas partes contribui para tornar o conjunto mais atraente. A fita crepe é uma aliada para um acabamento perfeito, sem manchas, utilize para proteger tomadas, interruptores e fechaduras. 

A cor da tinta não deve refletir o gosto pessoal do proprietário, já que o imóvel será disponibilizado para aluguel ou venda. As paredes são como telas que o futuro morador vai preencher com a própria identidade. Tonalidades muito chamativas, berrantes, podem não agradar e influenciar negativamente na decisão do negócio. É aconselhável utilizar cores neutras ou tons pastéis, que são mais fáceis de compor com diferentes estilos de decoração. Cores claras trazem luminosidade para o ambiente, com a percepção de mais amplitude. 

REDE NOTICIANDO

Siga nossas redes sociais e fique bem informado!

Receba em primeira mão nosso conteúdo através do nosso canal no Telegram.

Rede Noticiando — A serviço da informação!

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Follow Me:

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *