Durante entrevista à Rádio Jovem Pan na manhã desta sexta-feira, 4 de janeiro de 2019, o governador de São Paulo, João Doria, confirmou que pretende conceder a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) à iniciativa privada durante seu mandato.

Segundo Doria, a concessão será total, ou seja, envolvendo todas as estações.

“As estações [da CPTM] todas serão privatizadas. Ao serem concedidas, terão condições de monitoramento, de conforto e acessibilidade. As estações não são boas, aproveito para fazer aqui um registro de crítica às estações da CPTM. Elas estão distantes do padrão das estações do Metrô e terão ao longo dos quatro anos de nosso mandato o mesmo padrão das estações do Metrô e as portas de vidro [portas de plataforma] também que garantem mais segurança no acesso, no ingresso aos vagões e nas saídas também. [Além de] monitoramento eletrônico 24 horas, sem nenhuma área de sombra, além da segurança que tem de ser feita fisicamente nas estações ferroviárias, metroviárias e rodoviárias em São Paulo”, disse João Doria ao comentar uma notícia envolvendo uma moradora de rua, que foi vítima de tentativa de estupro na Estação Mooca da Linha 10-Turquesa da CPTM.

Na ocasião, a polícia solicitou as imagens das câmeras de vigilância da estação, entretanto, os equipamentos não estavam funcionando.

Ainda não está definido como será o modelo de concessão, se será de forma separada entre estações e operação, ou se quem assumir as estações também será responsável por operar as linhas.

Vale destacar que apesar de ter citado somente a concessão das estações na entrevista, o intuito do novo governador é conceder todo o sistema, incluindo a operação das 7 linhas que atualmente são do domínio da CPTM.

Relembre

– João Doria reforça plano de desestatização e diz que será a marca do seu governo

Leia também

– Prefeitura da cidade de São Paulo anuncia reajuste no valor da tarifa dos ônibus a partir do dia 7 de janeiro

–  Governador João Doria reajusta valor da tarifa dos trens do Metrô e da CPTM para R$ 4,30

– Movimento Passe Livre marca data do primeiro ato contra o aumento no valor da tarifa do transporte público

– Gestão Doria anuncia o nome do novo presidente do Metrô de São Paulo

Faça agora a recarga do seu Cartão de Transporte antes que o valor da nova tarifa entre em vigor

Antes que o valor da tarifa aumente para R$ 4,30 no dia 7 de janeiro, aproveite e faça agora mesmo a recarga do seu Cartão de Transporte!

Baixe agora o aplicativo RecargaPay, disponível para os sistemas operacionais iOS e AndroidNão tem cobrança de taxas, é simples e rápido!

Em poucos segundos, você faz a recarga:

1. Insira os dados do seu cartão, escolha o tipo de recarga que deseja fazer e o valor.
2. Selecione a melhor opção para pagar a sua recarga.
3. Pra finalizar basta aguardar a confirmação do pagamento.

Depois, você só precisa fazer a liberação dos créditos aproximando o seu cartão de um validador em qualquer máquina de recarga e consulta de saldo de Cartão de Transporte, que ficam nas estações do Metrô, da CPTM e nos terminais de ônibus.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público de São Paulo e Região Metropolitana?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Igor Roberto

Profissional e estudante de enfermagem, pesquisador, analista financeiro e de mídias sociais. A informação é o meu esporte!
Siga-me:

Posts relacionados

  1. Essa eu pago pra ver…. DUVIDO que estações como RG Serra, Vila Clarice, Brás Cubas terão kkkk male má as da Linha 9 kkkk e OLHE LÁ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.