julho 14, 2020

A ciclofaixa do Rio Pinheiros vai ser gerida por uma empresa, após uma parceria firmada com a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). O contrato é de 36 meses e pode ser estendido por mais 60 meses.

A manutenção, limpeza e jardinagem dos 21 km de extensão da ciclofaixa passam a ser de responsabilidade da empresa Farah Service, que deve ser fiscalizada pela CPTM. Com isso, de acordo com a companhia, devem ser economizados R$ 5,4 milhões durante os três anos de contrato.

De acordo com a publicação do Diário Oficial, o contrato é uma doação e a empresa não será paga pelos serviços, mas poderá usar os espaços disponíveis para visibilidade institucional.

Farah Service se compromete a:

  • Gerir a manutenção, limpeza e jardinagem dos 21,5 km da ciclofaixa;
  • Responsável pelos consumos de serviços essenciais de fornecimento de água, saneamento básico e energia elétrica;
  • Implantar 40 postes de luz para melhorar a iluminação pública;
  • Instalar câmeras ao longo da ciclofaixa.

Segundo a Farah Services, os trabalhos de jardinagem começaram nesta terça-feira, 3 de março, e as demais melhorias serão feitas de acordo com a necessidade de cada trecho. “[Serão feitos] ajustes na pista – asfalto e uso de tintas antiderrapantes – reparo nos banheiros e manutenção dos mesmos, jardinagem, manutenção dos bebedouros, iluminação entre outras coisas. Nesta quarta-feira, já começamos o trabalho de refilamento do trecho inicial – da Vila Olímpia ao Jaguaré.”

Roubos e furtos

Os casos de furto e roubo de bicicletas na cidade de São Paulo tiveram aumento de 175% nos últimos 5 anos, segundo dados obtidos pelo SP1 junto à Secretaria de Segurança Pública.

Entre janeiro e julho deste ano, em apenas 7 meses, as ocorrências subiram 75% em comparação com o mesmo período do ano passado. Foram 1.203 nesse intervalo em 2019, frente a 853 no mesmo período em 2018.

Entre janeiro e julho, em 2017, foram 880 casos, e só 524 em 2016. Em 2014, quando as bicicletas começaram a se consolidar na cidade, foram 439 casos no período analisado. Desde 2014, 3.675 bicicletas foram roubadas ou furtadas em vias públicas da capital.

Ciclofaixa do rio Pinheiros

A ciclofaixa do rio Pinheiros tem 21,5 km de extensão e foi inaugurada em fevereiro de 2010. Ela começa na Avenida Miguel Yunes, na Zona Sul, e percorre até a estação Villa Lobos da CPTM, na Zona Oeste.

O funcionamento é diário, das 5h30 às 18h30, inclusive aos fins de semana e feriados. Desde a inauguração, a via recebeu cerca de 4,9 milhões de ciclistas e a média mensal é 40,6 mil.

Ao todo, são sete acessos:

  • Av. Miguel Yunes, nº 620;
  • Estação Jurubatuba;
  • Estação Santo Amaro;
  • Estação Vila Olímpia.
  • Estação Cidade Universitária;
  • Ciclopassarela da Prefeitura nas proximidades do Parque do Povo;
  • Escada da ponte Cidade Jardim

Ao longo da extensão, os ciclistas têm acesso a seis pontos de apoio com banheiro, bebedouro e atendimento e um estacionamento para carros com 45 vagas, no acesso pela Avenida Miguel Yunes.

Transporte sobre trilhos

Confira a situação das linhas metro ferroviárias em São Paulo na aba “Metrô Agora” e “CPTM Agora” do Rede Noticiando e já saia de casa sabendo se tem alguma alteração ou falha.

Caso você seja usuário do Telegram e queira receber nosso conteúdo em primeira mão, se inscreva no nosso canal, o Rede Noticiando.

E se você for estudante da capital e utiliza o Bilhete Único Estudantil e ainda não renovou, tem dúvidas? Não perca tempo! Confira nossa matéria sobre como renovar seu benefício e tire todas as suas dúvidas.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram

Igor Roberto

Sou formado em Enfermagem, analista financeiro e de mídias sociais e aspirante em gestão pública. Sou o criador do Rede Noticiando e co-fundador do Mobilidade Porto Alegre. Mobilidade Urbana e transporte público são os meus temas favoritos. A informação é o meu esporte.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.