julho 1, 2022

Fraudadores anunciam vagas falsas para ter acesso a dados pessoais dos candidatos, como informações bancárias, endereço e CPF

Se no passado as pessoas costumavam procurar empregos nos jornais e nas agências de emprego, hoje basta abrir os sites especializados em recrutamentos ou as redes sociais para encontrar uma vaga. 

Para os profissionais que buscam recolocação ou colocação profissional, a internet é uma grande aliada para encontrar oportunidades de emprego com agilidade. No entanto, esta oportunidade também chamou a atenção de golpistas na internet –  um grupo de vagas sem mediador pode ser o ambiente ideal para divulgar vagas inexistentes. 

Correntes de WhatsApp, grupos no Facebook, perfis no Twitter e até SMS são usados para atrair pessoas que buscam um trabalho. Estes grupos e comunidades usadas para procurar emprego fornecem uma quantidade grande de possibilidades de golpes, já que geralmente possuem um número alto de participantes que buscam um primeiro emprego ou desempregados buscando uma recolocação. 

Na ansiedade de conseguir um emprego, muitas pessoas não percebem que estão diante de uma fraude, que pode causar um prejuízo financeiro ou moral. Por esse motivo, no momento de se candidatar a uma vaga, é preciso analisar a oferta com calma e não cadastrar informações sigilosas em sites duvidosos. Assim como quando buscamos sites confiáveis para realizar um teste vocacional, precisamos priorizar sites confiáveis na busca por uma posição no mercado de trabalho. 

Nem sempre é fácil perceber que está caindo em um golpe disfarçado de oferta de emprego, por isso montamos uma lista que pode te auxiliar a identificar situações fraudulentas e enganosas. 

Como evitar cair em vagas de emprego fraudulentas na internet:

  • É importante prestar atenção se o site anunciado na vaga é conhecido e confiável, pois muitos usam um cadastro falso para pegar os dados e depois aplicar golpes telefônicos ou de serviços inexistentes; 
  • Vagas muito genéricas podem ser um chamariz para empresas de banco de dados reunirem informações para venda de serviços ou produtos. Fique atento às descrições do emprego e, se for uma coisa muito generalizada, desconfie; 
  • Muitos erros de digitação e uma comunicação confusa podem sinalizar uma fraude. As empresas sérias fazem contatos de forma clara e profissional; 
  • Uma história muito longa para justificar coisas como a empresa não ter escritório no Brasil, por exemplo, deve acender a luz de atenção nos candidatos; 
  • Caso a empresa peça informações incomuns para um processo seletivo, fique atento, pois pode ser uma forma de conseguir suas informações ou de integrantes do seu núcleo familiar de forma ilícita. 

REDE NOTICIANDO

Siga nossas redes sociais e fique bem informado!

Receba em primeira mão nosso conteúdo através do nosso canal no Telegram.

Rede Noticiando — A serviço da informação!

Flávia Viana

Jornalista e editora convidada do Rede Noticiando. Contribui com pautas sobre saúde, tecnologia, aplicativos e mobilidade urbana.

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.