A cidade de São Paulo terá greve dos ônibus em apoio ao Dia Nacional das Paralisações contra a Reforma da Previdência.

O Sindmotoristas, entidade que representa os motoristas e cobradores na cidade de São Paulo informou há pouco que fará greve dos ônibus nesta sexta-feira, 14 de junho. A mobilização se da em apoio ao Dia Nacional das Paralisações contra a Reforma da Previdência.

Uma liminar expedida pelo Tribunal Regional do Trabalho havia determinado que os funcionários mantenham a circulação dos ônibus na sexta-feira, dia 14, entretanto, o sindicato manteve sua decisão de participar da chamada greve geral.

Na decisão do TRT, a determinação é para que se mantenha o serviço, em especial nos horários de pico entre 5h e 9h e entre 17h e 20h, sob pena de multa de R$ 100 mil por dia, no caso de descumprimento. Essa determinação não deve ser cumprida.

Como fica o transporte?

A categoria vai parar o sistema de transporte público urbano da capital paulista, da zero hora às 6 horas da manhã, desta sexta-feira, dia 14. Ainda, nas garagens de ônibus, serão realizadas assembleias, das 5h às 6 h, para discutir sobre os riscos iminentes dos trabalhadores perderem a sua proteção social, a aposentadoria.

Ex-cooperativas devem operar regularmente

As empresas do sistema local, aquelas bairro a bairro, deverão ter operação normal nesta sexta-feira, dia 14 de junho, como é de praxe em dias de greves, já que as ex-cooperativas não aderem aos movimentos.

Confira na íntegra a nota do Sindmotoristas

“Os trabalhadores não aguentam mais os desmandos do governo. A Reforma Trabalhista foi a gota d’água. Temos percebido a insatisfação da população e acreditamos na unidade para vencer essa luta. Contamos com a colaboração de todos, pois essa batalha não é só nossa, é de todo o Brasil”, afirmou o presidente, em exercício, do Sindmotoristas, Valmir Santana (Sorriso), garantindo a adesão do Sindicato, que nunca foge do seu compromisso de defender os direitos de motoristas, cobradores, profissionais do setor de manutenção e, quando necessário, de toda a classe trabalhadora.

Linha 4-Amarela e 5-Lilás

A assessoria de imprensa da ViaQuatro e da ViaMobilidade, concessionárias responsáveis pela operação e manutenção das linhas 4-Amarela e 5-Lilás, respectivamente, informam que suas operações para o dia 14 de junho permanecem inalteradas.

Não haverá greve na CPTM

Os três sindicatos que representam os trabalhadores da CPTM optaram por não aderir ao Dia Nacional das Paralisações, portanto, a operação será normal em todas as linhas.

Ganhe R$ 10,00 de desconto

Precisando recarregar o seu Cartão de TransporteBaixe aqui o aplicativo RecargaPay e ganhe R$ 10,00 em desconto utilizando o nosso código NOTICIANDO. Válido apenas no primeiro uso do aplicativo.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.