novembro 27, 2022

Começo do ano se aproxima e junto mais um ano letivo, e os pais têm que dar atenção aos filhos e, em simultâneo, cuidar da compra do material escolar. Algumas mães não sabem, mas o básico também funciona nessas horas. Além disso, seus filhos não vão usar nem metade do que está na lista de material que a escola repassou. Foque no importante, porque quem pode sair no prejuízo é você.

Vamos para algumas dicas de como economizar material escolar 

Planejamento familiar e organização

Primeiramente tenha planejamento familiar e organização, pois a compra de material escolar costuma pesar bastante no bolso de muitas famílias. Em seguida, nada melhor que aproveitar alguns itens. Certamente você encontrará lápis, borracha, caderno que podem ser reaproveitados.

Dica de ouro: não compre na primeira loja que entrar, pois os preços variam muito entre as lojas. Se possível, acesse lojas online, aproveite promoções, como a Black Friday, pois às vezes costumam ter valores acessíveis para alguns materiais. 

Defina um orçamento para gastar

Defina sempre o quanto você pode gastar naquele mês, para não fazer dívidas desnecessárias. Faça isso com base em um planejamento realista, seja sempre realista! Não esqueça de considerar todas as receitas e despesas da família durante o mês. Entretanto, se você não conseguir comprar os materiais, espere para comprar materiais secundários.

Espere baixar a temporada

Após a grande procura de início de ano. Geralmente, os preços costumam baixar, tornando a aquisição mais em conta. 

Não leve seu filho com você

Caso seja possível, evite levar seu filho com você, pois, os materiais escolares chamam muita atenção dos pequenos. Pois eles não precisam aparecer com a mochila mais descolada ou o estojo do momento, acontece muito entre crianças quererem mostrar o material novo. Preste atenção! Não compre cadernos com personagens, repare na diferença de preço para os comuns. 

Fazendo isso, estará dando uma lição financeira para seus filhos, avise também que os materiais estão caros e que o objetivo do material é o aprendizado deles. 

Reaproveite o que sobrou do material didático antigo

Para garantir sua economia, analise tudo o que pode ser reutilizado. Nem sempre é necessário comprar uma mochila ou estojo novos; até canetas, lápis de cor, cola, tinta, etc.,  podem ser, com a ajuda e cuidado dos filhos, reaproveitados.

Pechinche bastante

Em temporadas acirradas como a compra de material didático, vale a pena pechinchar para conseguir um desconto no valor final. Lembrando, pague sempre à vista para a dívida não virar bola de neve. Economizar agora pode ser sinal de prosperidade futura.

Pense nisso!

Faça uma pesquisa na internet

Antes de todo o planejamento e organização familiar, é importante fazer uma pesquisa na internet. Entre em sites para analisar os preços das lojas físicas e online. É importante o uso de tabelas para anotar a sua pesquisa, pois só assim saberá se os preços que vai encontrar na rua estão baratos ou caros.

Nessa opção preste atenção no valor cobrado com a entrega, sendo que na internet não ocorre a possibilidade de pechinchar.

Preço x qualidade dos materiais

Não adianta comprar barato se não vai durar ou não terá a utilidade necessária. 

Reaproveite materiais com criatividade

Os materiais que sobraram do ano passado podem ser reaproveitados. Por exemplo, o caderno que sobrou folhas podem ser customizados. E ainda ensina a evitar o desperdício e passa um momento com seu filho.

Compre com antecedência

Outra oportunidade de gastar menos é comprar fora de época, porque o material escolar normalmente fica com o valor mais alto no início do ano ou do semestre. 

Visite sebos

Garimpar livros em sebos é uma dica muito importante, pois poderá encontrar tesouros em bom estado, exemplo disso são enciclopédias.

Para muitos, dezembro e janeiro é mês de descanso, viajar, passear, curtir a família, sair de férias, de modo geral. Com a criançada de férias, é a ocasião para não se preocupar com o material escolar. Agora para os pais, a dor de cabeça é a situação financeira. Com as contas do início do ano, chegando com tudo, vem a lista de material escolar, que já garante um gasto considerável.

Exatamente por isso você não pode cair no descontrole financeiro, é para isso que serve o planejamento familiar e a reunião em família. Para os pais que estão no limite do orçamento, tomem cuidado para não extrapolar por algo desnecessário. Se você seguir as dicas acima, terá mais leveza financeira para lidar com o ano letivo de seu filho.

É normal ter despesas, só não é normal o acúmulo e a falta de controle financeiro, em meio a tanta dívida não ultrapasse o limite do seu orçamento. Recomendo sempre que pensem o esforço que fazem para ganhar um salário mínimo ou até menos. Valorizem as dicas e principalmente seu dinheiro, ensine educação financeira para seu filho e aprenda a negociar suas compras.

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Follow Me:

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *