outubro 16, 2018
SPTRANS

Prefeito Bruno Covas garante abastecimento nos ônibus até sexta-feira e diz que São Paulo sairá do estado de emergência

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, afirmou durante entrevista coletiva que vai tirar São Paulo do estado de emergência nesta quinta-feira, 31 de maio. Bruno Covas acredita que não há mais necessidade de manter o decreto.

De acordo com o prefeito, há diesel suficiente para até sexta-feira, pela manhã. Ainda assim, o prefeito acredita que no feriado a situação será normalizada e que mais diesel chegará nas garagens das empresas de ônibus.

“A situação no dia de hoje, quarta-feira, já é melhor do que a gente tinha na quinta-feira da semana passada, antes da decretação da situação de emergência. Então amanhã sai no Diário Oficial um decreto suspendendo o estado de emergência”, disse Covas.

A decisão foi tomada pelo Comitê de Gerenciamento de Crise, criado em razão dos últimos acontecimentos, porque já esta sendo normalizado o fornecimento de combustível para toda frota de serviços essenciais.

“O prefeito Bruno Covas também decretou ponto facultativo na próxima sexta-feira, 1 de junho. O decreto será publicado no Diário Oficial de quinta-feira (31) e, desta forma, a Prefeitura poderá se reorganizar, com a chegada de mais alimentos para a merenda na rede de ensino e o combustível necessário para a frota dos serviços essenciais”, informou a Prefeitura de São Paulo, em nota.

Bruno Covas também informou que 71% dos ônibus devem circular nesta quarta-feira, em média. Segundo o prefeito, a quantidade está sendo possível para atender a demanda completamente, porque houve uma queda do número de passageiros.

A prefeitura informou que o Sincopetro disponibilizou 16 postos de combustíveis exclusivamente para atender a administração municipal. Nesta quinta-feira, será avaliada a necessidade de manter a exclusividade.

Igor Roberto

Profissional e estudante de enfermagem, pesquisador, analista financeiro e de mídias sociais. A informação é o meu esporte!
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.