Cinco empresas paulistanas demonstraram interesse na elaboração de projetos para a implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) em Sorocaba.

De acordo com a Prefeitura de Sorocaba, as empresas que vão participar do chamamento público entre os dias 7 de agosto e 10 de setembro são: PowerChina Brasil Construtora Ltda; Benvenuto Engenharia S/S Ltda e Systra Engenharia e Consultoria Ltda; Pavan Engenharia e Participações e Steer Davies & Gleave do Brasil; 23 Sul Arquitetura e Consórcio VLT Quanta.

Projeto

Em sua primeira etapa, segundo o Executivo, o VLT irá operar no trecho entre George Oeterer e o centro de Sorocaba, num total de cerca de 13 quilômetros de extensão.

Com a previsão de entrega da primeira etapa para agosto de 2020, a segunda etapa deverá ficar pronta somente na próxima gestão, caso o projeto não seja abandonado pelo futuro prefeito. O compromisso assumido por Crespo na campanha foi implantar o VLT de Brigadeiro Tobias a George Oeterer.

A estimativa da atual gestão é que o metrô de superfície transporte de 150 mil a 200 mil passageiros por dia, aproveitando a ferrovia já existente e que funcione por meio de uma concessão comum ou de Parceria Público-Privada (PPP) patrocinada.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público de São Paulo e Região Metropolitana?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Igor Roberto

Profissional e estudante de enfermagem, pesquisador, analista financeiro e de mídias sociais. A informação é o meu esporte!
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.