A SPTrans anunciou melhorias na Linha 476L/10 Metrô Vila Mariana – Lar Escola São Francisco, que passa a operar, também, aos fins de semana, com miniônibus plenamente acessíveis e frota ampliada.

O serviço tem um padrão diferenciado das demais linhas municipais por trazer uma frota 100% acessível, ar-condicionado, um auxiliar de bordo que ajudará no embarque e desembarque de pessoas com mobilidade reduzida e trajeto ampliado para atender as 17 unidades de saúde da região. A partir de sábado, 8 de dezembro, o passageiro poderá conferir a ampliação do serviço SP+ na linha 476L.

Para o secretário de Mobilidade e Transportes, João Octaviano Machado Neto, “é muito gratificante entregar para a população ônibus acessíveis e modernos em uma linha que atende a famílias e pessoas com deficiência. As melhorias na linha como ampliação de horário, itinerário e atendimento aos fins de semana, trarão a qualidade necessária para os passageiros com mobilidade reduzida”.

Já o secretário da Pessoa com Deficiência, Cid Torquato, ressalta a importância do serviço para a cidade: “É nessa região que temos a maior concentração de equipamentos voltados ao atendimento das pessoas com deficiência. Com os novos veículos e um trajeto pensado em atender essa demanda, estamos mostrando que São Paulo é uma cidade inclusiva, preocupada com o bem-estar de seus munícipes”.

E o presidente da SPTrans, Paulo Cézar Shingai, explica que “as linhas identificadas com selo SP+ possuem ônibus com uma configuração inovadora, espaço para quatro cadeiras de rodas, totalmente acessíveis, atendendo a necessidade do passageiro com mobilidade reduzida”.

O itinerário da linha 476L-10 foi estendido para três novas ruas, com o objetivo de ampliar o atendimento à região da Vila Clementino, que concentra diversos estabelecimentos de saúde que prestam assistência a pessoas com mobilidade reduzida, como AACD (Associação de Assistência à Criança Deficiente) e APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) e, também, clínicas e hospitais, como o Hospital São Paulo.

A linha passa a operar nos dias úteis e aos fins de semana, das 6h às 20h, com 28 partidas nos dias úteis, 15 partidas aos sábados e domingos, o que representa uma ampliação no atendimento levando a uma estimativa de transportar cerca de 560 passageiros por dia. Os veículos passam a circular em parte das ruas Napoleão de Barros, Estado de Israel e Botucatu.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público de São Paulo e Região Metropolitana?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Igor Roberto

Profissional e estudante de enfermagem, pesquisador, analista financeiro e de mídias sociais. A informação é o meu esporte!
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.