Você sabe por que é tão importante fazer manutenção do carro? São poucos motoristas que sabem disso. É verdade que a manutenção tem esse ar de “verdade absoluta” que todo mundo conhece. Todo motorista, vendedor e mecânico falam sobre “a importância da manutenção”, mas será que as pessoas realmente entendem o que isso significa e quais são os riscos de não realizá-la? É possível que não!

Podemos verificar essa importância com base na desvalorização de automóveis pela Tabela Fipe. Quando se olha para a situação, fica claro que os veículos não são bem cuidados por causa do nível de desgaste que eles enfrentam. Basta ver como a desvalorização dos automóveis no nosso país acontece em curto prazo. Muitos deles perdem valor acima do esperado porque não são bem cuidados. Para um país que tem uma frota velha (com mais de 10 anos em média), essa é uma má notícia.

Portanto, siga a leitura para saber o porquê da importância em fazer manutenção do carro e como realizar esse processo?

Por que é tão importante fazer manutenção do carro?

A manutenção do automóvel é um processo vital para manter a qualidade do veículo e, consequentemente, o seu valor no futuro. Afinal, se você quiser trocá-lo por outro, precisará ir até uma revenda de carros seminovos e usados e negociar o seu automóvel. No entanto, só conseguirá um bom negócio se apresentar um veículo em bom estado.

Além de conseguir manter o valor do carro em longo prazo, a manutenção também garante uma melhor experiência de direção e de uso do veículo no geral. Isso é importante para aproveitar melhor o que o carro tem a oferecer.

É vital compreender que em uma mecânica de automóveis tudo costuma funcionar de modo interligado. Um problema aqui gera uma série de fatores aqui ou ali. Veja o óleo do carro, por exemplo.

O óleo usado em automóveis tem validade com base na quilometragem rodada (ou seja, seu padrão de uso) ou no tempo dentro do carro. Normalmente, o padrão é de 10 mil quilômetros rodados ou 1 ano, o que vier primeiro (considerando a média de quilometragem no Brasil, costuma ser os 10 mil quilômetros).

Quando sai da validade, o óleo perde a viscosidade. Na prática, isso gera um efeito muito negativo no automóvel. Além de reduzir a temperatura no motor do veículo (algo essencial para evitar que ele sobreaqueça), também passa a sujá-lo mais e pode, inclusive, produzir borra no motor.

Ou seja, uma coisa simples, que poderia ser resolvida em poucos minutos e gastando pouco dinheiro, pode evoluir para algo que pode inutilizar o automóvel, pois o motor pode fundir por conta do superaquecimento.

3 dicas de como fazer a manutenção do carro

1. Veja o Manual do Proprietário

Se você quer aprender como cuidar do seu automóvel, o documento mais importante a ser consultado é o Manual do Proprietário. É lá que estão todas as informações básicas que você precisará ter em mente para que o seu veículo esteja sempre bem cuidado.

Nesse Manual estão todas as datas ou quilometragens básicas que você precisa saber para revisar o seu veículo, além de conter informações sobre todos os cuidados que você precisa ter ao comprar produtos para o veículo.

Vai trocar o óleo, por exemplo? O Manual indica qual tipo de produto deverá ser usado. O mesmo vale para filtros de ar ou gasolina, pneus e muito mais.

2. Entenda as ações negativas que você faz no dia a dia

Pouco adianta levar sempre seu carro na revisão se você comete ações diárias que causam dano a ele. Isso inclui a maneira como você dirige e outros cuidados. Por essa razão, é importante ter em mente que você precisa ser um motorista melhor para evitar problemas.

Portanto, estude as suas ações ao dirigir e veja como pode melhorar, incluindo a maneira como você acelera ou freia e outros hábitos negativos que possam causar danos ao automóvel.

3. Invista em peças de qualidade para repor

Por fim, é importante lembrar que você precisa usar peças de qualidade para colocar no seu carro. Na prática, isso significa que você precisará comprar novos óleos, filtros, pneus e muito mais.

Portanto, sempre use peças de qualidade para fazer a reposição. No mínimo, que sejam as peças originais, caso você não saiba quais comprar. Isso ajuda a garantir maior qualidade para o seu automóvel.

Pronto! Agora que você já viu porque é importante fazer a manutenção do carro e como realizar esse processo de maneira fácil, prática e dentro do seu cotidiano, é hora de colocar as dicas em ação para que obtenha os melhores resultados possíveis no seu automóvel. Com isso, você logo conseguirá conservar o valor dos seus veículos e vendê-los por um preço melhor no futuro.

E aí, gostou do conteúdo? Comente abaixo com a sua opinião sobre o assunto!

Siga o Rede Noticiando

Nos acompanhe em nossas redes sociais e tenha acesso a todo nosso conteúdo.

Quer receber nossas matérias em primeira mão? Assine nosso canal no Telegram.

A serviço da informação!

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.