A Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô) decidiu cancelar a concorrência pública que tinha como objetivo conceder à iniciativa privada cerca de 15 terminais de ônibus anexos às linhas 1-Azul e 3-Vermelha. A informação foi publicada no Diário Oficial desta quinta-feira, 7 de março.

Os espaço seriam concedidos por um período de atpe 40 anos e os vencedores da disputa seriam responsáveis pela infraestrutura. Sete, dos 15 terminais, teria a possibilidade de realizar a construçlão de prédios.

A licitação iniciou em 2017, entretanto, durante esse tempo houve questionamento por parte do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE) que impediu o Metrô de dar sequência aos planos de conceder os terminais.

Os terminais anexos que foram alvo da tenativa de concessão são:

  • Linha 1-Azul: Ana Rosa, Parada Inglesa e Armênia (sul);
  • Linha 3-Vermelha: Vila Matilde, Carrão (norte), Carrão (sul), Tatuapé (norte), Tatuapé (sul), Patriarca, Artur Alvim, Penha (norte), Barra Funda (sul), Barra Funda (turístico) e Brás.

Cerca de 259 linhas de ônibus fazem conexão com os espaços e juntos, os 15 terminais recebem diariamente uma média de 900 mil passageiros.

Siga o Rede Noticiando

Quer saber mais notícias sobre o transporte público?

Curta a nossa página no Facebook.

Siga o @RedeNoticiando no Twitter.

Siga o nosso perfil @redenoticiando no Instagram.

Assine o nosso canal Rede Noticiando no YouTube.

Igor Roberto

Profissional e estudante de enfermagem, pesquisador, analista financeiro e de mídias sociais. A informação é o meu esporte!
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.