O município de Ribeirão Pires, no ABC Paulista, não terá aumento na tarifa dos ônibus em 2021. A decisão de congelar a tarifa foi anunciada pelo prefeito Clóvis Volpi, que assumiu o mandato na sexta-feira, 1° de janeiro de 2021.

Volpi deu a seguinte declaração em entrevista coletiva:

“Eu entendo perfeitamente a crise pela qual estão passando as empresas de ônibus que tem concessões em todas as cidades, entendo perfeitamente. O número de público diminuiu, de passageiros diminuiu, os custos que ela tem, pneu, gasolina, mão-de-obra esses não diminuíram. É perfeitamente entendido, só que do outro lado tem uma população desempregada, que está sofrendo, procurando emprego, pagando mais caro na cesta básica, que vai no mercado e arroz subiu, feijão subiu, os legumes subiram”, declarou o prefeito.

“Então eu tenho que pensar na população neste momento. Então eu lamento, embora entenda isso que as empresas estejam sofrendo, eu acho que no ABC por determinação até do Consórcio os municípios não darão absolutamente nenhum realinhamento de tarifas a partir de 2021 até que essa economia consiga superar e houver também a ampliação do emprego”, conclui Volpi.

Atualmente, o valor da tarifa dos ônibus em Ribeirão Pires é de R$ 4,40 para quem paga a passagem em dinheiro ou com o cartão BOM municipal. Já o vale-transporte custa R$ 4,60.

O último reajuste no município aconteceu em 2019 quando a tarifa dos ônibus subiu de R$ 4 para a atual.

Siga o Rede Noticiando

Nos acompanhe em nossas redes sociais e tenha acesso a todo nosso conteúdo.

Quer receber nossas matérias em primeira mão? Assine nosso canal no Telegram.

A serviço da informação!

Igor Roberto

Paulistano, empreendedor e pai. É fascinado por temas relacionados a mobilidade urbana, transporte público e cinema. É o criador do site Rede Noticiando. Quer entrar em contato com o Igor? Envie um e-mail para igor@noticiando.net
Siga-me:

Posts relacionados

  1. Ricardo Souza says:

    Quando ele diz que os custos não diminuíram ele está equivocado,pois todas as linhas diminuiram a quantidade de ônibus ,sendo assim ,economizam em não ter a frota toda nas ruas, enquanto isso ficamos 1h30 no ponto esperando o ônibus que ao chegar está lotado,essas empresas tem mais é que tomar prejuízo mesmo,porque tudo descontam no povo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.