maio 18, 2021

Empregados de empresas de ônibus que estão afastados na cidade de São Paulo, terão os seus contratos de trabalhos suspensos por determinação da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes.

Os funcionários afastados deverão ser colocados no Novo Programa de Manutenção do Emprego, até o dia 10 de maio de 2021.

A determinação da SMT ocorre pois a prefeitura remunera as empresas de ônibus, também com base nos custos operacionais, o que acaba sendo incluindo os salários.

A medida foi anunciada após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), assinar na terça-feira, 27 de abril de 2021, a Medida Provisória que viabiliza a retomada do Programa Emergencial do Emprego.

A medida permite que às empresas realizem acordos para redução de jornadas e salário dos funcionários, ou a suspensão dos contratos de trabalho.

O programa já está em vigor com duração inicial de 120 dias.

Siga o Rede Noticiando

Nos acompanhe em nossas redes sociais e tenha acesso a todo nosso conteúdo.

Quer receber nossas matérias em primeira mão? Assine nosso canal no Telegram.

A serviço da informação!

Igor Roberto

Paulistano, empreendedor e pai. É fascinado por temas relacionados a mobilidade urbana, transporte público e cinema. É o criador do site Rede Noticiando. Quer entrar em contato com o Igor? Envie um e-mail para igor@noticiando.net
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.