Todo dia um jovem diz que quer seguir o caminho da publicidade e ouve que o mercado está saturado. De certa forma, existem muitos profissionais formados em Publicidade e Propaganda, mas ainda há espaço para novas mentes na área, principalmente para as que estão atentas ao futuro.

Quem já está no processo de formação superior pode começar a se questionar como fazer um TCC, pergunta super válida e que não tem uma resposta certa. No entanto, é bem interessante basear o seu trabalho de conclusão de curso em um assunto muito atual, já que isso vai prepará-lo de forma precoce aos novos desafios do mercado de trabalho.

Para isso, é preciso estar atento às tendências que surgem a cada dia e entender como elas serão aplicadas ao mercado publicitário. Quer ideias para o seu TCC ser atual e não sabe os temas a serem escolhidos? Confira a seguir algumas dicas de assuntos que estão quentes na área!

  • Publicidade em áudio
  • Publicidade contextualizada
  • Publicidade interativa
  • Publicidade com segurança

Publicidade em áudio

Propaganda em MP3 não é nenhuma novidade, mas ganhou muita força recentemente. A pandemia e o sucesso de programas brasileiros como Flow Podcast resultou em uma quantidade enorme de novos canais produzindo conteúdo em áudio.

A linguagem é bem diferente de programas audiovisuais, sejam eles na televisão ou na internet, e marcas precisam aprender a conversar com esse público. A tendência de anúncios utilizando apenas som já é uma realidade e o desafio é torná-lo atraente.

Por exemplo, que pessoa sem assinatura premium do Spotify gosta de ser interrompido ao final de uma música para ouvir aquela propaganda da plataforma? No entanto, ela e muitas outras são importantes e precisam atrair a atenção do público.

Publicidade contextualizada

A internet está repleta de publicidade em todos os sites que acessamos. Já estamos tão acostumados a elas que muitas vezes nem prestamos atenção ao que está sendo ofertado na nossa cara. Isso é reflexo de muita oferta e também do fato de muitas delas não serem direcionadas.

Sim, o Google já é craque em usar algoritmos que ofereçam produtos de acordo com o perfil de consumo do usuário, mas o novo desafio é oferecer isso no momento certo, com propagandas contextualizadas. Um anúncio de chuteira em um site de futebol é muito mais eficiente do que um anúncio de brinquedo infantil, mesmo que o usuário também se interesse pelo segundo.

Publicidade interativa

A internet transformou telespectadores em internautas ativos. Não queremos mais apenas assistir a conteúdos online, mas participar deles de alguma forma. Basta ver a quantidade de interações de usuários no Twitter e em plataformas de streaming como YouTube e Twitch.

Quebrar esse ritmo com propagandas em que o usuário se torna apenas um espectador traz um belo índice de desinteresse e rejeição. Portanto, marcas precisam aprender a transformar a publicidade em algo que instigue o usuário a se envolver.

No mundo ideal, todo esse processo leva o consumidor a emergir e chegar até uma compra, é claro. Essa tendência já está sendo utilizada por algumas marcas, mas nem todos sacaram que o estilo de anunciar mudou.

Publicidade com segurança

Foi-se o tempo em que pessoas compartilhavam informações pessoais na internet sem questionar a segurança desse procedimento. Hoje, todos estão de olho neste aspecto e fazer propaganda com a garantia de que o consumidor está protegido é uma necessidade cada vez mais urgente.

Além disso, é preciso estar atento aos limites da publicidade. Consumidores conhecem seus direitos e as redes sociais servem de apoio para que pessoas lesadas encontrem meios de serem compensadas pelo erro das marcas. 

Esses dois pontos não podem ser ignorados, pois já fazem parte do presente e estarão ainda mais em pauta no futuro.

Redação Noticiando

Equipe responsável pela produção de conteúdo do site Rede Noticiando.
Siga-me:

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.